Em cima da hora:
Fechamento de autoescola vira caso de polícia em Presidente Prudente
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • JORNAL NA ESCOLA


    04/06/2012 às 09:58h
    Recomendar
    JORNAL NA ESCOLA
    O projeto será executado em todas as escolas da rede municipal | Filipe Oliveira

    Com o objetivo de apresentar o jornal como instrumento didático-pedagógico no cotidiano das escolas municipais de Feira de Santana, a equipe técnica do projeto Jornal na Escola participou de dois encontros de formação continuada desenvolvidos, simultaneamente, pela Secretaria Municipal da Educação, na última sexta-feira (1º).

    Durante os encontros, os formadores, coordenadores pedagógicos e os quase 50  professores tiveram a oportunidade de conhecer a dinâmica de funcionamento do Projeto, idealizado pelo departamento de Educação do Jornal Folha do Estado, composto por pedagogos, professores e jornalistas, que será desenvolvido em todas as escolas do município.

    Segundo o professor e jornalista Danilo Guerra, editor do blog www.professorreporter.jornalfolhadoestado.com e coordenador do projeto, a ideia nasceu a partir de análise de resultado da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, publicada em março deste ano, revelando que metade da população brasileira não é leitora. “Esse retrato é estarrecedor e nós, enquanto veículo de comunicação, não podemos ficar indiferentes à questão, que pode, inclusive, comprometer o desenvolvimento da nação. Propomos  desenvolver um trabalho de parceria com as escolas para aplicar uma metodologia diferenciada, a fim de que o estudante volte a se encantar com o fantástico mundo da leitura e, a partir daí, formar-se cidadão mais crítico”.

    Entendendo a importância da casadinha jornal/escola, a professora Eliana Carlota, técnica da Secretaria e gestora dos encontros, considerou oportuna a iniciativa do jornal. De acordo com a professora, o foco das discussões é a construção de estratégias para fortalecer a leitura dentro e fora do espaço escolar. “Este projeto vai contribuir na formação de estudantes leitores, o centro da nossa discussão”, complementou.

    Horácio Amorim, membro da equipe do projeto, assegura que é grande a adesão por parte dos professores e coordenadores municipais. “Desde a primeira apresentação, realizada em 22 de maio, o projeto foi apresentado a quase 120 educadores municipais e nas próximas semanas mais coordenadores conhecerão o projeto.”

    As escolas recebem um exemplar do jornal Folha do Estado por sala de aula e diretoria desde 15 de maio, mas “o projeto não se limita apenas à disponibilização dos jornais. uma didática ampla, com olimpíadas culturais, palestras e eventos de premiação e espaços exclusivos no nosso portal e no impresso”, conclui o coordenador.

      



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia